PUBLICIDADE

[Especial de 1 Ano CYI - Encontrei Por Aí] Castelo Rá Tim Bum, A Exposição

15 de ago de 2014


Hoje vamos dar a continuidade dos posts sobre o Castelo Rá Tim Bum, mas a parte de hoje é sobre a Exposição, que está no Museu de Imagem e Som de São Paulo.

Bom para começar a exposição esta muito bonita, com peças originais da época de gravação, e outras peças que são réplicas.

A exposição começa logo com a maquete do Castelo, e logo após quem nos recebe é o Porteiro com alguma charada, afinal de contas se não descobrir a charada não entra no Castelo.
O Porteiro

“Klift, Kloft Still, a porta se abriu” e lá começamos a visita com nosso amigo Nino nos recepcionando, com ele esta o Relógio sempre pontual e o quadro mágico. Logo entramos na Biblioteca, lá encontramos o Gato Pintado e seus milhares de livros.
Gato Pintado

Passando pela Oficina do Dr. Victor, temos o figurino de Sérgio Mambeti, junto com alguns esboços do figurino e fotos do ator,  os irmãos gêmeos Tap e Flap, que são as botas falantes.
           
   Figurino Dr. Victor   

                                            
                                                                        Tap e Flap

De lá para o encanamento, e para falar a verdade já consigo escutar a gargalhada fatal do Mau e a voz do Godofredo. Os bonecos do Mau e do Godofredo são réplicas, a única peça original é a cabeça do Mau, mas já se pode sentir a emoção de estar junto dos personagens.
              
                  Mau       
                                                       
                                                                                 Godofredo

A Sala de Música é mais fácil de interagir com as peças da exposição, algumas coisas não podem ser tocadas por motivo de preservação mas a maioria das peças podem e é ai que a magia acontece. A Pianola, uma invenção do Dr. Victor pode ser pedalada e conforme você pedala os bonecos dançam, a Caixa de Música ao abrir vemos pessoas dançando.  Também pode se observar que tem alguns sofás e cadeiras onde o visitante pode sentar e assistir os bastidores da série.

Pianola
  
Na sala seguinte tem a Sala da Lareira, com o jogo de xadrez, a Caixa Preta, revelando os pensamentos de quem abre em formas geométricas e também a Música Mundo onde alguém gira o globo terrestre e onde o dedo parar, mostra a dança típica do país escolhido.
Caixa Preta

O espaço sideral nos aguarda na próxima parada e apresenta o Etevaldo, o turista universal. Nesta parte temos algumas partes do roteiro, falas do personagem, esboços do figurino, um show de imagens que formam as galáxias, junto com o figurino de Wagner Belo.
Figurino Etevaldo

No meio do caminho encontramos o famoso “Porque sim, não é resposta”, o Telekid. O figurino de Marcelo Tas esta exposto junto com uma série de vídeos do personagem.
Figurino Telekid

Do lado temos a Cozinha: lá pode se ver as portas do misterioso armário que sempre tem uma surpresa ao abri-los. Ali mesmo na Cozinha tem o Bongô caso você sinta uma fominha e não se esqueça de lavar as mãos antes de comer, beber, pegar na mamadeira.
 Cozinha

                                              
                                                                      Figurino Bongô


No Jardim do Castelo basta assobiar para a Caipora aparecer. Lá também é possível ver o figurino da personagem e algumas árvores se mexem.
Figurino Caipora

Saindo da cozinha, já começa uma parte do saguão e lá tem quase tudo, o que é ótimo por sinal.  A principio vemos o figurino da Biba, Pedro e Zequinha. Logo após temos o Ratinho, adeus cheirinho de suor,  e a Dedolândia, que ensina a contar e se vestem no estilo rock ‘n’ roll. A Penélope, com seu figurino estonteante e rosa.

                  
                 Figurino Biba, Pedro e Zeca
                                                        
                                                                               Figurino Penélope

                            
                          Dedolândia
                                                                  
                              Ratinho


Ao lado tem uma série de entrevistas em vídeo dos atores, produtores, diretores, enfim todos que fizeram parte dessa série.

Agora oficialmente estamos no saguão, em 360 graus,  e a Celeste esta lá para nos receber, agradecendo as visitas, os flashes, lá também algumas matérias de jornais falando sobre a cobra.  Ainda no saguão temos o figurino do Nino, Cássio Scapin, junto com os esboços do figurino.
               
           Celeste
                                                     
         Figurino Nino

O quarto do Nino: as parede em desenho em quadrinhos  deixa qualquer um encantado, e deixa o lugar mágico. Só não dá para entrar no quarto através da porta giratória, mas de restante esta tudo ótimo.
Quarto do Nino

Na escadaria é possível ver as fotos de família da Tia Morgana, fotos do Dr. Victor e o ninho dos Pássaros Cantores. E no andar de cima da para ver melhor o Lustre do Castelo.
O quarto da Morgana é simplesmente lindo, lá se encontra o caldeirão, o figurino de Rosi Campos e a gralha Adelaide.

Figurino Morgana
                                      
                                                                          Adelaide

De lá para: “Passarinho? Que som é esse?”. O Ninho dos Pássaros, além dos figurinos, também tem instrumentos expostos e alguns ovos de onde eles saíram.

Figurino dos Pássaros

E enquanto isso no Lustre do Castelo... Lana e Lara recebem você para ver como era os figurinos, as poltronas e alguns objetos das personagens.
Figurino Lana

E chegando no final da exposição temos ninguém mais malvado que o Dr. Abobrinha, e seu sonho de construir um prédio de cem andares no lugar do castelo.
Figurino Dr. Abrobrinha

Além disso tudo, todas as sessões conta com fotografias, manuscrito do roteiro, esboços das roupas dos personagens e vídeos com as participações dos personagens, que passam em televisões instaladas nos locais.

A exposição esta no Museu de Imagem e Som, o MIS, localizado na Avenida Europa,158 – Jardim Europa – São Paulo/SP. Tem estacionamento no local, mas aconselho utilizar o transporte público, pois o número de vagas no estacionamento é pequena.

O MIS é aberto de Terça a Domingo. Terça a Sexta das 11h-21h, Sábados das 9h-23h, Domingos e feriados das 9h-20h. O valor do ingresso é de 10 reais (inteira) e 5 reais (meia).
Para quem for a exposição é recomendável chegar cedo, pois a exposição tem muita procura.


Só vendem 4 ingressos por pessoa, para o dia da visitação. O MIS disponibilizou mais um lote de ingressos.


Bom por hoje é só, espero que tenham gostado dessa nova coluna.
Abraços e até a próxima!

O Blog esta com vagas abertas. Se interessou? Clique aqui e saiba mais.
Texto por Grazi
Curta nossa página no Facebook
Estamos no Orelha de Livro
Comentarios Facebook
Comentarios Blogger

0 comentários:

Postar um comentário




 
Top