PUBLICIDADE

[Resenha] Trabalhar No Paraiso Pode Ser Um Inferno, Simon Rich

25 de set de 2014


Entediado, Deus decide que a Terra já deu o que tinha que dar. A menos que dois anjos idealistas façam um milagre acontecer... Bem-vindo à Céu Ltda., a corporação mais mau administrada que existe. Desde tempos remotos, seu fundador e presidente (conhecido em alguns círculos como Deus) passa os dias jogando golfe. Quando resolve aparecer no trabalho, não é para acabar com guerras ou pôr fim à fome, mas sim para procurar seu nome no Google e ler o que os humanos pensam dele. Na verdade ele nem pensa muito na Terra, até o momento em que uma funcionária recém promovida a anjo lhe faz uma reprimenda e Ele é obrigado a pensar naquele planeta que criou e que... não deu certo! Diante dessa constatação, resolve mandar os homens pelos ares. Como não é uma decisão definitiva, só o resultado de uma aposta que propõe a seus anjos subalternos fará com que o Todo Poderoso desista de seu grande plano. Será que os anjos conseguirão ganhar a aposta? Qual truque esconderão na manga para salvar a humanidade do Juízo Final?

Olá Leitores, como vão? Primeiramente peço desculpas no atraso do post dessa semana, eu estava com muito trabalho da faculdade para fazer e acabou que não deu tempo de fazer para quarta, mas deu pra hoje então esta quase tudo certo. Sem mais delongas, bora falar do livro!

O Todo Poderoso Deus acha que a Terra já pode explodir ou ser congelada, os humanos não querem saber mais dele, e como ele se importa com o que pensam dele, Deus acha os humanos ingratos e merecem se explodir literalmente.

Contrapondo toda essa ideia de explosão, Craig e Eliza, que amam seus trabalhos, fazem uma proposta para Deus, em trinta dias irão realizar O milagre, que não é simples por sinal. Fazer de dois seres humanos completamente estranhos, e anti-sociais, porém completamente parecidos ficarem juntos. Sam gosta de Laura e Laura gosta de Sam, mas falta uma pequena coisa para que eles fiquem juntos: atitude. E é ai que os anjos milagrosos entram em ação.

Coisas bizarras acontecem para que haja pelo menos um encontro casual. E essas bizarrices vão desde greve dos metroviários de Nova York, até fazer  Sam comer comida estragada para perder peso. E se você leitor acha isso estranho só para um encontro casual, imagina então o que essa dupla dos milagres fazem para sair um beijo. Os anjos não mediram esforços para continuar fazendo o que mais gostam ajudar os humanos nos pequenos milagres/coincidências da vida.

Simon Rich trouxe mais uma vez aquela comédia irônica para seu romance. Fazer Deus ser um “fanfarrão” e dos anjos quem realmente se importa com os humanos, foi a melhor forma de lidar com um assunto tão delicado. O romance é daqueles que te prende, principalmente no final com aquela expectativa: vai dar tudo certo? Bom não posso falar o final, mas acho que já dá para adivinhar pelo o que foi dito.

Leitores, por hoje é só. Espero que tenham gostado. Comentem, façam criticas positivas e negativas.
Abraços e até mais!
Texto por Grazi
Curta nossa página no Facebook
Estamos no Orelha de Livro
Comentarios Facebook
Comentarios Blogger

0 comentários:

Postar um comentário




 
Top